Intervenção de João Pimenta Lopes no Parlamento Europeu

No debate sobre a Situação na Venezuela

A União Europeia pretende legitimar o golpe na Venezuela orquestrado pelos Estados Unidos e a “auto-proclamação” de um fantoche de Trump para assaltar o poder e controlar as riquezas do país. Trata-se de uma afronta à ordem constitucional do país e ao direito internacional.

É esta UE que legitimou as eleições fraudulentas nas Honduras, que questiona as eleições presidenciais na Venezuela? Porque razão rejeitaram o pedido do Governo Venezuelano para participar como observadores?

Serão as sistemáticas acções de desestabilização, terrorismo, especulação e açambarcamento, crescentes sanções económicas e financeiras, que a UE e vários Estados-membros têm alimentado, que vão resolver os problemas da economia Venezuelana e as dificuldades que o seu povo enfrenta?

Vai a UE caucionar a ameaça de iminente intervenção militar dos Estados Unidos ou abraçar a via da paz e de diálogo que México e Uruguai se propuseram mediar?

É com o sofrimento e sangue do povo Venezuelano que os senhores estão a jogar.

Tirem as mãos da Venezuela!

>
  • Intervenções
  • Venezuela