Passagens desniveladas sobre a ferrovia

Em Fevereiro de 2021, foi anunciado o concurso público para construção, no Vale de Santarém, sobre a ferrovia, de Passagem Superior e Ponte sobre a Vala da Azambuja, no valor de 3 milhões de euros, aproximadamente. O concurso ficou deserto.

A passagem de nível actualmente existente no Vale de Santarém apresenta uma visibilidade reduzida. Tem a agravante do seu acesso ser feito, por parte de quem vem do campo e do concelho do Cartaxo, por uma antiga ponte. A ponte tem uma proibição de circulação de veículos com mais de 10 toneladas, algo que, segundo a população, não é cumprido, especialmente na época da colheita do tomate. Este facto põe em risco a própria ponte.
De igual modo, o concurso para as Assacaias, anunciado em Dezembro de 2021, ficou também deserto. A passagem de nível das Assacaias apresenta visibilidade reduzida e é estreita. Para quem vem de Santarém, o acesso a Alcanhões por esta via, obriga sempre a duas passagens sobre o caminho-de-ferro: uma na Ribeira de Santarém e outra nas Assacaias. Há muito que a população de Alcanhões exige a construção de uma via rodoviária alternativa, entre as Assacaias e a Ribeira de Santarém, que não atravesse o caminho-de-ferro. Essa via rodoviária reduziria o tempo de viagem, pois não haveria tempo de espera nas passagens de nível, e aumentaria a segurança.
A Comissão Concelhia de Santarém do Partido Comunista Português defende a eliminação das passagens niveladas no concelho de Santarém, substituindo-as por passagens desniveladas, garantido melhores condições de segurança para condutores e peões, evitando cenários de acidentes mortais como os acontecidos na passagem de nível do Peso.
O Partido Comunista Português questionará na Assembleia Municipal de Santarém e na Assembleia da República quais as diligências que se seguem, uma vez que os concursos de Vale de Santarém e Assacaias ficaram desertos. Seguir-se-á um rol de concursos desertos, à semelhança do que ocorreu noutras obras públicas, adiando indefinidamente a construção das necessárias passagens desniveladas sobre a ferrovia? Até quando se adiará a segurança e bem-estar das populações do concelho de Santarém?
 
Santarém, 24 de Agosto de 2022
 
 
 
 
A Comissão Concelhia de Santarém do PCP